11:22
0
Recebi por e-mail um desabafo de minha colega Ewerly sobre um verdadeiro escândalo na USP. O que aconteceu na USP é uma prova do quanto a Educação em nosso país é banalizada, ridicularizada até. O que está se passando na USP é inadmissível considerando-a como um espaço onde o saber, o conhecimento, a cultura deveriam reger todas as ações. Vejam:

"Ontem passou uma matéria no CQC sobre a mudança da Biblioteca da Faculdade de Direito da USP. O acervo foi transferido para outro prédio (e ressalto: em péssimas condições) porque o Reitor disse que precisava aumentar o número de salas de aula, porém, os servidores não foram consultados. Tanto os servidores como os alunos ficaram surpresos e, principalmente, prejudicados.. Imagine, desde o dia 22 de janeiro estão sem acesso, pois muitos livros ainda estão nas caixas.

[...] O fato é que essas criaturas não têm o menor respeito nem com os servidores e muito menos com o bem público! Eu estou indignada! Olha só um dos comentários do video:

"Faltou mostrar o estado precário do prédio no qual foram alocados os livros: canos já estouraram e alagaram os andares, fios desencapados criam risco de curto-circuito, há infiltrações, etc. Vejam as fotos nos blogs Cadê a biblioteca?, Anti-depramável182-21. Por fim, é preciso deixar claro que o grande responsável por essa transferência desastrosa é o atual reitor da USP e ex-diretor da faculdade de Direito, Sr. João Grandino Rodas. "

Assista ao video: http://www.youtube.com/watch?v=OjnQncu_l50

Como é que alguém consegue achar uma situação dessas normal e/ou engraçada?!

Até quando, meu Deus?!"
--
Ewerly Magna
Pós-graduanda em Tecnologia da Informação - Gestão Estratégica de Projetos/PMI-CE
Certificação Project Management Professional - PMP® (em andamento)